contato@apeop-pr.com.br
41 3069-0743

Notícias

Estrada Boiadeira entre Porto Camargo e Serra dos Dourados começa ser pavimentada

22 de abril de 2019

Umuarama Ilustrado – 22/04/2019 12H55

O Consórcio Construtor – Castilho – Engemin, responsável pela pavimentação do lote A1 – da rodovia BR-487 (Estrada Boiadeira) – iniciou a implantação e já conta com construtores e maquinários trabalhando na rodovia. O Canteiro de obra está pronto com os escritórios do consórcio, fiscalização e laboratórios.

O traçado ligará Porto Camargo até Serra dos Dourados (distrito de Umuarama) e na primeira fase do projeto, a obra segue do entroncamento da PR-082 (Saída para Ivaté) rumo ao distrito de Santa Elisa.

Conforme o engenheiro chefe de serviço, fiscal de contrato da regional do DNIT, (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte), José Carlos Beluzzi de Oliveira, o projeto completo de 46,917 Km tem prazo para ser finalizado em 27 meses e nesta primeira etapa serão oito quilômetros, com previsão para serem entregues até dezembro deste ano. “O segmento inicial parte do Km 31,300 até o Km 39,100 e já contamos com os valores de R$ 33 milhões para esta fase”, explicou.

O lote A1 contemplara a pavimentação de quase 47 quilômetros de pista, incluídos 9,7 km contorno sul de Icaraíma, 4 km contorno noroeste de Santa Elisa, melhorias de acesso e infraestrutura de escoamento de águas. A obra tem valor total de R$ 171,997 milhões a preços iniciais.

O Prefeito de Icaraíma, Marcos Alex, ressaltou que existem alguns transtornos na execução da obra, porém, nada comparado com o beneficio da tão sonhada pavimentação da PR-487 (Estrada Boiadeira). “A pavimentação da Estrada Boiadeira representa muito para os vários seguimentos da comunidade da região, pois vai reduzir o trajeto para Umuarama em 20 quilômetros, além da estrutura que será empregada no local”, ressaltou.

ESTRUTURA

A pavimentação será feita com 15 cm de solo melhorado coberto por mais 15 cm de solo-cimento, seguido duas camadas de asfalto CBUQ (concreto betuminoso usinado a quente) e CBUQ com polímero, cada uma com 4 cm. Também serão construídos neste trecho inicial dois bueiros para escoamento de águas, um passa-gado, uma trincheira e terceiras faixas em determinados pontos.

“Entre o km 31 ao km 39, a empresa já iniciou a limpeza e destocas da faixa domínio da BR 487 em quase três quilômetros, homens e máquinas estão trabalhando na construção dos bueiros. Também estão sendo iniciados a implantação das usinas de asfalto e de concreto ao lado do canteiro de obra próximo ao Km 31+400m, ressaltou o engenheiro Carlos Beluzzi.

PRÓXIMAS ETAPAS

Ainda segundo o fiscal do DNIT, para o restante da obra, os recursos foram projetados na Lei Orçamentária Anual (LOA) visando a continuidade da pavimentação da PR-487 no biênio 2019/2020. “Para o ano que vem também está programada a execução do contorno sul de Icaraíma. Neste sentindo vamos dar continuidade nos tramites para fazer os pagamentos das indenizações no primeiro semestre de 2020 e a execução da obra no segundo semestre”, explicou o engenheiro Carlos Beluzzi.

CORREDOR DE PRODUÇÃO

O projeto de Porto Camargo até Serra dos Dourados vai seguir a estrutura realizada na BR-487 entre Campo Mourão, passando por Tuneiras do Oeste já interligado até a PR-323 (Cruzeiro do Oeste). “Futuramente esse corredor terá muitos caminhões transportando cargas e por isso seguimos essa estrutura federal. No seguimento dos 12 km de Icaraíma até Porto Camargo, onde já existe asfalto, vamos arrancar tudo para fazer a estrutura que já vem sendo empregada na Boiadeira”, finalizou José Carlos Beluzzi de Oliveira.
Neste sentido, o prefeito de Icaraíma ressaltou que futuro corredor – Porto Camargo à PR-323 – será um canal não só para escoar safras de outros Estados, mas também para os agricultores da região, como a cultura da mandioca.

SAÚDE E ECONOMIA

Com os atendimentos especializados da saúde focados em Umuarama, o prefeito Marcos Alex enfatizou que o município de Icaraíma conta com seis ambulâncias rodando diariamente o percusso Icaraíma/Umuarama. Neste cenário só a pavimentação da Boiadeira de Icaraíma até Santa Eliza já vai gerar mais conforto para os pacientes, como também redução de gastos ao cofre público. “Serão menos 20 quilômetros até Umuarama e estamos falando de uma rodovia com estrutura nova que proporcionará conforto e segurança para os pacientes”, enfatizou.

FORTALECIMENTO DO TURISMO

A cada ano as prainhas de água doce de Porto Camargo, em Icaraíma, atraem mais turista. O local está no maior complexo de ilhas o Parque Nacional de Ilha Grande, no Rio Paraná, e apresenta um grande potencial turístico para a região. Para o prefeito Marcos a rodovia PR-487 também será mais um item de infraestrutura para agregar no cenário turístico do município de Icaraíma.

“Hoje estamos investindo R$ 4 milhões em infraestrutura sanitário no Porto Camargo além da regularização fundiária. Com essas ações, podermos reorganizar o planejamento urbano do Porto, com melhorias de ruas e da orla, e isso tudo já está acontecendo em 2019”, explicou o prefeito. Praça de Alimentação e a iluminação da rodovia que liga a PR-487 até o Porto Camargo também são outras ações de melhoria da Prefeitura de Icaraíma. “Serão R$ 80 mil investidos no trecho de 2 quilômetros até o Porto Camargo. Isso tudo representa o desenvolvimento da nossa região”, finalizou o prefeito Marcos.

Fonte:

https://ilustrado.com.br/estrada-boiadeira-entre-porto-camargo-e-serra-dos-dourados-comeca-ser-pavimentada/